Em perigo? William Bonner sofre ataques no Sul e Globo toma decisão drástica para proteger repórteres

Rede Globo precisou tomar uma importante decisão para proteger William Bonner e funcionários no Rio Grande do Sul.

Os jornalistas da TV Globo têm enfrentado uma série de ataques durante a cobertura da tragédia climática no Rio Grande do Sul, levando a emissora a considerar uma medida radical.

A medida drástica tomada pela maior emissora do país foi tomada após o apresentador William Bonner ser hostilizado ao vivo durante a condução do Jornal Nacional no Estado. O renomado repórter estava trabalhando e passando informações sobre a tragédia que vem assolando o estado.

Globo toma medida drástica no Rio Grande do Sul

Globo planeja contratar seguranças para todos os profissionais envolvidos na cobertura. A medida tenta proteger seus funcionários de perigos mais sérios, que podem vir acontecer durante os trabalhos da emissora.

O incidente, que ocorreu durante a transmissão ao vivo, mostrou William Bonner sendo confrontado por um espectador, questionando a presença da emissora na região e criticando a ausência da reportagem durante o resgate. Essas críticas foram dirigidas não apenas a Bonner, mas a outros repórteres da empresa, que também enfrentaram hostilidade durante suas reportagens.

Tragédia no Rio Grande do Sul

No entanto, mesmo com a possível contratação de seguranças, os jornalistas enfatizam que o espaço em que trabalham é público e que estão apenas fazendo o seu trabalho ao relatar os impactos das enchentes na região.

Vale lembrar que, até o momento, foram confirmadas 113 mortes decorrentes da tragédia no Rio Grande do Sul. Além disso, o estado soma 756 pessoas feridas, 146 desaparecidas, 406,7 mil fora de suas residências.

Artigos relacionados